sexta-feira, 29 de abril de 2016

Apeoc Chorozinho realizou assembleia geral nesta sexta (29)

(Foto e texto de Apeoc Chorozinho)
Os servidores da educação e cultura reuniram-se na tarde desta sexta feira 29/04, em Assembleia Geral da categoria na Igreja Presbiteriana de Chorozinho. Em pauta, questões acerca das prestações de conta do Fundo Próprio de Previdência Social do Município (os servidores questionam qual o valor da dívida do município com o FPPS tanto da parte patronal, quanto da funcional), atraso no repasse de empréstimos consignados, calendário de pagamento, atualização salarial dos músicos, precatório do FUNDEF, greve dos professores do estado e informes de ações judiciais.
Na ocasião, como é feito todos os anos na primeira assembleia ordinária do sindicato, foi apresentado para apreciação dos sócios toda a prestação de conta da APEOC Chorozinho referentes ao ano imediatamente anterior, no caso, 2015. O atual tesoureiro da comissão municipal do sindicato, professor Marcos Roberto, ainda fez questão de reapresentar as prestações de contas de 2012 à 2014, já expostas em várias assembleias e aprovadas pela categoria.
Ao fim da reunião, o presidente da Comissão Municipal do Sindicato APEOC, professor Alessandro Carvalho, destacou a transparência na prestação de contas da instituição e ressaltou que "a administração pública deveria seguir o modelo adotado pela APEOC Chorozinho, informando e expondo um balanço financeiro a seus contribuintes". O mesmo ainda fez questão de salientar que a "Assembleia é um importante momento de interação, informação e deliberação das estratégias da política sindical a serem seguidas por toda a categoria nos próximos meses".