INFORMAÇÃO E PUBLICIDADE

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Prefeito de Pacajus fala sobre vários temas em entrevista coletiva

Foto de JKarlos/Assessoria da Prefeitura
No início da tarde desta quinta feira, 09-02, o Prefeito de Pacajus Flanky Chaves, concedeu uma entrevista coletiva aos meios de comunicação da cidade.
O Prefeito respondeu aos questionamentos dos repórteres e apresentadores.

Sobre a recomendação do Ministério Público do Estada do Ceará, que proíbe o ex prefeito José Wilson Chaves, pai do atual gestor, de se reunir com servidores, de fiscalizar obras e dar ordens a servidores municipais, o Prefeito disse que vai responder formalmente ao MPCE e que todas as decisões da gestão são tomadas pelo prefeito de fato e direito, Flanky Chaves.

Sobre o pagamento dos garis, o Prefeito esclareceu que até a próxima quarta feira,15-02, o pagamento será feito a empresa responsável pela contratação dos garis. De acordo com Flanky, a prefeitura tem o recurso e ainda não efetuou o pagamento, porque foram encontradas irregularidades na documentação da empresa, empresa que inclusive desistiu de prestar o serviço para o município.

Sobre as mudanças de pessoal em alguns cargos da gestão, o prefeito disse que todo começo de gestão é complicado e que algumas pessoas não se adaptam ao fluxo de trabalho e por isso foi preciso fazer algumas mudanças, para que as coisa possam acontecer da forma que ele planejou para administrar.

Sobre os poços profundos, Flanky disse que sua equipe de governo já está tratando do processo licitatório para que a prefeitura faça o conserto e coloque para funcionar todos os poços profundos do município, que de acordo com ele são de fundamental importância para o abastecimento de água da população.

Sobre o transporte dos universitários, O Prefeito disse que recebeu uma comissão de alunos representantes dos universitários do município e que explicou pra eles, que o processo licitatório para a contratação da empresa que vai fornecer os ônibus, já está em andamento e que o prazo tem que ser respeitado para não desobedecer as leis. O Prefeito disse ainda que vai fazer consultas ao TCM, para ver a possibilidade de acelerar a contratação dos ônibus para atender os alunos universitários. O Prefeito disse ainda que existe um lei que autoriza o município a usar a frota municipal para transportar os alunos, mas os ônibus do município estão sem condições de uso, muitos apresentam defeitos e mesmo que estivessem em condições de uso, a quantidade de veículos não atenderia a demanda na quantidade de alunos.

Informações da Assessoria da Prefeitura
banner
Anterior
Proxima