O julgamento de mais um pedido de prisão contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) é adiado

O julgamento de mais um pedido de prisão contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) é adiado por decisão do ministro Marco Aurélio Mello, relator do caso.
Em contato com a BandNews FM, o advogado de defesa do tucano alegou que precisou viajar para Portugal por “motivos profissionais”.

O embarque aconteceu no último dia 16, quando a sessão já estava marcada.
O ministro do Supremo aceitou o pedido do advogado Alberto Toron e remarcou o julgamento para o próximo dia 24.

A Procuradoria-Geral da República entrou com recurso após o STF negar a prisão preventiva de Aécio Neves, acusado de receber R$ 2 milhões, em propina, da JBS.

Texto de Rádio BandNews FM Foto: Evaristo Sa/AFP